Monday, 27 de June de 2022 08:08
83.9.9606-0256
Cidades Mato Grosso

Saae realiza testes de fumaça para identificar irregularidades na rede de esgoto

Com o objetivo de identificar possíveis irregularidades na rede de esgoto, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Lucas do Rio Verde iniciou...

25/05/2022 10h15
Por: Redação Fonte: Prefeitura de Lucas do Rio Verde - MT
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Com o objetivo de identificar possíveis irregularidades na rede de esgoto, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Lucas do Rio Verde iniciou uma nova etapa dos chamados ‘testes de fumaça’ na cidade, nesta segunda-feira (23).

Conforme a autarquia, o serviço está sendo executado pela equipe de fiscalização e operacional do esgoto, nos bairros que possuem rede de esgoto ativa, são eles: Menino Deus, Pioneiro, Parque das Américas, Centro, Tessele Junior, Bandeirantes, Vida Nova e Jaime Seiti Fujii.

São consideradas ligações irregulares tubulações que não deveriam estar ligadas à rede de esgotamento, de forma que sua ligação prejudique toda a rede no entorno, além somente do imóvel ou da casa. Alguns exemplos de redes que não devem estar conectadas ao sistema de esgoto são as calhas, canaletas e outras ligações de destinação de águas fluviais.

Segundo o coordenador de tributação do Saae, Marcos Rogério Rubio, a água da chuva não deve ser lançada na rede coletora de esgoto, e sim na rede fluvial de drenagem. Essas inconformidades constatadas nas ligações de esgoto sobrecarregam a rede, ocasionando o transbordamento do esgoto nos pontos mais baixos e até mesmo a possibilidade de retorno do esgoto para dentro dos imóveis.

“Essas ligações geram sobrecarga da rede, causando o entupimento, pois não vai comportar a quantidade de água que passará por ela. É importante ressaltar à população que rede de esgoto é exclusivamente para o esgoto domiciliar, não para águas fluviais”, apontou o coordenador.

Caso seja constatada a irregularidade no imóvel, o morador é notificado e orientado a retirar a ligação irregular. Os munícipes notificados têm dez dias para regularizar a situação. Nesses casos, é preciso lacrar as tampas das caixas de inspeção, que ficam localizadas na parte interna dos lotes.

Além dessas ligações, a equipe também está realizando a fiscalização de ligações clandestinas nos bairros da cidade que possuem a rede, porém ela ainda não está ativada.

De acordo com o Decreto nº 2544/2013, a multa prevista para ligação clandestina custa R$ 850 e a multa por uso indevido do ramal de esgoto é de R$ 1.500.

Como é feito o teste de fumaça?

A vistoria é feita durante o período de estiagem por meio de um aparelho que solta a fumaça, atóxica e sem cheiro, colocado em um dos poços de visitas (PVs) da rede coletora de esgoto. A fumaça entra pelo PV e circula pela rede e, quando há ligações irregulares, ela sai por outros locais, como bocas de lobos, caixa de passagem ou calhas de drenagem da água da chuva.

Em caso de dúvidas, os munícipes podem entrar em contato com o Saae por meio do telefone (65) 3549-7700, com atendimento também pelo whatsapp.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
João Pessoa - PB
Atualizado às 08h08 - Fonte: Climatempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 21° Máx. 31°

23° Sensação
13 km/h Vento
89% Umidade do ar
90% (13mm) Chance de chuva
Amanhã (28/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens e chuva
Wednesday (29/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 28°

Sol com muitas nuvens e chuva