13/12/2016 09:49

Estudante é morto com golpes de tesoura em escola da PB

Samu constatou traumas na região da cabeça e perfurações de tesoura. Motivação ...

Samu constatou traumas na região da cabeça e perfurações de tesoura. Motivação do crime será investigada pela Delegacia de Homicídios

Um adolescente de 13 anos foi morto com perfurações de tesoura sem ponta, dentro da escola estadual Maria Jacy Costa, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, na tarde desta segunda-feira (12). De acordo com o Samu, a morte foi constatada no local.

A Secretaria de Estado da Educação informou que existe uma parceria junto a Polícia Militar, através do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD), com a realização de rondas de policiamento nos quadrantes próximos da escola. No entanto, alegou que apenas a direção da escola poderá dar maiores esclarecimentos sobre o ocorrido.

O estudante estava fazendo uma prova de matemática na sala do 5º ano quando foi chamado por uma pessoa na porta da sala. Ele entregou a prova e saiu, para falar com a pessoa. Pouco tempo depois, foi encontrado morto. A médica do Samu identificou traumas graves na região da cabeça e perfurações de tesoura na região abdominal.

A mãe do adolescente informou à Polícia Militar que, por uma questão de segurança, havia transferido o menino de uma escola no bairro do Rangel para outra em Mangabeira, há quatro meses. Conforme informação da tenente Lígia, da PM, a escola é vulnerável a ações como essa, devido ao acesso facilitado ao interior do local.  Ainda segundo a PM, a mãe do estudante acredita que o crime tenha sido cometido pelas pessoas de quem ela queria distância, do bairro do Rangel.

De acordo com a assessoria da Polícia Militar, a tesoura foi encontrada próxima ao corpo. Os detalhes serão verificados apenas pelo Instituto de Perícia Científica (IPC), que foi acionado ao local juntamente com o delegado da Delegacia de Homicídios.



Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.